Alex Garland não tem planos de dirigir novamente após o lançamento de “Guerra Civil”

Marcos Vinicius
Por: Marcos Vinicius
PUBLICIDADE

Alex Garland não tem planos de dirigir novamente após o lançamento de “Guerra Civil” Em entrevista ao The Guardian, Garland foi perguntado sobre sua decisão de abandonar a carreira de diretor, e confirmou que pretende se dedicar apenas aos roteiros.

“Eu amo cinema, mas dirigir filmes não é uma atividade que existe em um vácuo. Ela existe na vida real, dentro de um contexto maior“, explicou. “E não estou falando só da pressão do dinheiro, mas da pressão criada pela confiança que as pessoas estão depositando em você”.

PUBLICIDADE

Guerra Civil se passa em um futuro distópico em que os Estados Unidos estão em conflito: 19 estados se separaram da União, e há um embate entre as Forças Ocidentais do Texas e da Califórnia e o poderio militar do governo federal estadunidense.

Kirsten Dunst vive uma fotojornalista que precisa navegar os perigos desta nova paisagem política dos EUA ao lado de um colega interpretado por Wagner Moura. Nick Offerman (Parks & Recreation) interpreta o presidente americano, enquanto Jesse Plemons (Fargo) é um soldado que cruza o caminho dos protagonistas.

Com direção de Alex Garland, o filme é estrelado por Kirsten Dunst (Homem-Aranha), Wagner Moura (Tropa de Elite), Cailee Spaeny (Priscilla), Stephen McKinley Henderson (Duna), Jesse Plemons (Noite de Jogo) e Nick Offerman (The Last of Us).

Completam o elenco Wagner Moura (Narcos), Cailee Spaeny (Priscilla) e Jefferson White (Yellowstone).

Guerra Civil estreia nos cinemas no Brasil em 18 de abril.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Últimas Notícias

PUBLICIDADE

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados e cookies para as finalidades ali constantes.